quinta-feira, 26 de junho de 2008

Migração de Cobol for dummies - Parte 1

Migrar nem sempre é fácil, se fosse fácil provavelmente seria parecido com o método atual e se fosse parecido provavelmente não valeria a pena...
Aqui vai uma dica de um método um tanto quanto bruto de se converter alguma coisa desconhecida e que pode ser impressa para txt...
Útil para ler uma base Cobol para txt e posteriormente para a base final...

Obs: Cobol é uma linguagem de programação do tempo em que guaraná de rolha era ficção científica...

Vamos aos passos:
  • Abra o painel de controle e o ícone, impressoras e aparelhos de fax;
  • Abra o ícone adicionar impressora;

  • Clique em avançar;

  • Selecione a primeira opção e não marque a pesquisa por dispositivos plug and pray(play) e clique em avançar;

  • Selecione a opção imprimir em arquivo e clique em avançar;

  • Selecione o fabricante "genérico" e a impressora "generic/text only" e clique em avançar;

  • Escolha, ou não, um nome para a impressora e clique em avançar;

  • Compartilhe a impressora na rede, anote nome do compartilhamento e clique em avançar;

  • Clique em avançar, eu sei que é chato... mas eu não posso fazer isto por você;

  • Mais uma vez clique em avançar... se quer algo emocionante por que não toma um copo de água?

  • Tomando água tu pode se engasgar... é mais bonito que ficar com LER... a propósito, clique em concluir;

  • Agora digite o nome do arquivo texto que vai conter a pagina de teste de impressão do windows... Mas CUIDADO, anote o nome pois se tu percebeste bem NÃO se escolhe o local de gravação do arquivo;

  • Apenas clique em OK;


No próximo capitulo mostrarei, via linha de comando, como localizar a pagina de teste e a seqüência dos passos para redirecionar a impressão para txt...

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Ajude a sustentar a Wikipédia e outros projetos, sem colocar a mão no bolso, e concorra a um Eee PC!

…e também a pen drives, card drives, camisetas geeks, livros e mais! O BR-Linux e o Efetividade lançaram uma campanha para ajudar a Wikimedia Foundation e outros mantenedores de projetos que usamos no dia-a-dia on-line. Se você puder doar diretamente, ou contribuir de outra forma, são sempre melhores opções. Mas se não puder, veja as regras da promoção e participe - quanto mais divulgação, maior será a doação do BR-Linux e do Efetividade, e você ainda concorre a diversos brindes!
Bem lembrado pelo Cleverson e pelo André

segunda-feira, 23 de junho de 2008

Como criar um alias para um dispositivo de rede no windows

Bem...

Por que diabos eu vou querer um alias da placa de rede ou semelhante?

Uma resposta seria se tu tens alguma aplicação conectada entre 2 micros em uma rede com cabo crossover e precisa que a aplicação sempre esteja com o mesmo IP, por mais que o cabo esteja desconectado. E ai surgem os problemas, quando se desconecta um cabo de rede no windows o ip fixo da maquina não responde mais e um ping pelo nome netbios passa a responder pelo endereço de loopback.

Ou seja, tenho 2 maquinas (alpha e beta no ex.) conectadas por cabo cross (ponto a ponto, sem hub, sem concentrador... uma ponta do cabo em cada maquina...).
Quando conectada a rede na maquina alpha digito "ping aplha" e esta responde o seu ip fixo (pressupondo um ip fixo na rede), no exemplo, 192.168.0.1
Quando desconecto o cabo, a rede obviamente cai e se tento pingar o nome da maquina ("ping alpha") atravez da maquina alpha, adivinhe o que responde? 127.0.0.1 !!! O IP mudou !!!

Ok, grande merda se o ip mudou... esta desconectado mesmo...

Errado!!! Se houver um sistema local que tenha uma configuração de rede, esta configuração fica inconsistente perante o sistema e isto pode ocasionar erros.

Solução:

Uma cópia da placa, um alias...
É possível fazer isto no windows 2000, xp ou posteriores...

  • Vá até o painel de controle;
  • Abra o ícone adicionar hardware;
  • Clique em "sim, já conectei o item de hardware" e posteriormente em avançar;
  • Selecione a última opção, "Adicionar novo dispositivo de hardware" e avançar;
  • "Instalar o hardware que eu selecionar manualmente em uma lista" e avançar;
  • Clique em adaptadores de rede e em avançar;
  • Na caixa Fabricante selecione Microsoft;

  • Na caixa Adaptadores de rede, selecione "microsoft loopback adapter" e em avançar;
  • Clique em concluir... e em avançar hehehe;
  • clique em avançar e depois em avançar e para terminar clique em avançar...
Depois disto tudo vai aparecer mais um adaptador de rede...



Basta configura-lo a seu gosto e a porção serve para um computador e custa uma licença de windows e a paciência de ler este how-to...

sexta-feira, 20 de junho de 2008

Correndo em círculos

O phoda é saber que o mundo esta cheio de caras como Lewis Hamilton, pessoas que trancam a vida das outras, que ficam indiferentes em situações em que a indiferença soa como uma heresia...

"Esquecer" uma mãe e uma filha simplesmente por estas não estarem na lista de passageiros é muito pior que um piloto que acha que sabe alguma coisa e fica atrapalhando a volta do Massa...

Update

O Massa ganhou o GP da Franca e é líder da temporada...

sexta-feira, 6 de junho de 2008

Um post um pouco menos "médico"

Os Secos e Molhados foram copiados pelo KISS ou isto é intriga do Ney?

Quem se importa com isso?

Afinal de contas descobri que o windows é um absurdo, no sentido filosófico, e que o linux é uma expressão de não conformismo e de fuga do absurdo...

O linux tenta dar um sentido a uma vida existencialista que jogou você no mundo sem que você pedisse para aqui estar e a única coisa certa é a morte. E o linux tenta dar um sentido a esta vida sem sentido, pregando a individualidade, o não conformismo... enfim, a liberdade de escolha, sair da matrix... essas coisas...

E eu aqui surfando na polenta em vez de escrever os 2 caps. obrigatórios do meu tcc para entregar daqui a poucos dias...

quarta-feira, 4 de junho de 2008

Toalhas e Água



Segundo o André o KISS é uma cópia descarada de uma banda nacional, os Secos e Molhados.